INE lança inquérito sobre o impacto da Covid19 nos rendimentos das famílias e das empresas

90

O Instituto Nacional de Estatísticas (INE) lançou, esta segunda-feira, em Luanda, pela primeira vez, dois inquéritos sobre o impacto da Covid-19 nos agregados familiares e nas empresas, que contam com o patrocínio do Banco Mundial.

Os dois inquéritos, que vão decorrer em simultâneo, terão a duração de três meses e apenas no final de cinco meses serão apresentados os resultados. O objectivo dos dois censos é apurar os efeitos da pandemia da Covid-19 nos rendimentos e nos empregos e também como os apoios do Estado conseguiram minimizar as dificuldades enfrentadas pelos agregados familiares e as empresas angolanas.

Os dois inquéritos têm abrangência nacional e serão realizados recorrendo às chamadas telefónicas. Cada entrevistado terá direito a um cartão de saldo da operadora que usa como meio de comunicação. Ao todo serão abrangidos 2.500 agregados familiares, num universo estimado de 12 mil pessoas

Nesta campanha, espera-se que seja identificado o número de pessoas que perderam os seus empregos, tendo em conta que a taxa de desemprego tem subido e já está acima dos 30% e que mais de 80% das pessoas empregadas estão no mercado informal.

Já no que toca às empresas, o inquérito espera avaliar o impacto da pandemia no seu funcionamento e identificar as principais dificuldades que as empresas enfrentaram, nos diferentes sectores de actividade.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!
X