Está a decorrer a feira de empregabilidade da Universidade Católica de Angola

326

A Universidade Católica de Angola (UCAN) realiza, de 22 a 24 de Maio, a 21ª edição da Feira de Empregabilidade no sentido de colocar os estudantes da instituição em contacto com o mercado de trabalho, através das empresas que estarão no evento.

A feira vai juntar, na praça da alimentação da UCAN, no Palanca, várias empresas e estudantes que poderão apresentar as suas candidaturas, acompanhar a exposição dos serviços de cada empresa e vão ainda participar em workshops e formação sobre a elaboração de currículos e entrevistas de emprego.

De acordo com António Eusébio, secretário-geral da associação dos estudantes, já estão confirmadas 15 empresas, das quais Ernst & Young (EY ), Deloitte Angola e Price Waterhouse Cooper (PwC), Banco Millennium Atlântico, Banco Caixa Angola e as empresas que fazem recrutamento dos bancos Keve e BCI.

O porta-voz da organização explicou ainda que podem participar na feira empresas que têm parceria com a universidade, outras convidadas que se solidarizam com a causa, bem como estudantes finalistas e pré-finalistas da UCAN.

“Neste espaço, que vai reunir empresas, é o lugar oportuno onde os estudantes podem conseguir estágio ou mesmo emprego e as empresas conseguir a aquisição de novo capital humano e a divulgação dos serviços que presta, no entanto, é um contacto que vai permitir”.

A feira tem uma duração de três dias e, no primeiro dia, haverá um workshop, onde serão abordados três temas: “os primeiros passos que um profissional recém-admitido deve tomar”, plano de carreira: “ascensão de categoria”, “impacto da feira de empregabilidade”.

A expectativa da organização é que a feira de empregabilidade consiga construir relacionamentos com indivíduos e empresas para fins profissionais uma vez que muitos estudantes estão a terminar os seus estudos.

“As empresas nem sempre têm vagas disponíveis no momento, mas fazem questão de colocar na base de dados e chamar o candidato na altura de recrutamento”, explica o responsável, acrescentando que o objectivo é mostrar os quadros que a universidade possui no sentido de serem empregados.

Para o professor Jorge Mendes, esta interacção pode levar a oportunidades de estágio, programas de formação ou até mesmo a uma oferta de emprego. A feira de empregabilidade proporciona aos estudantes uma visão abrangente das diferentes indústrias e sectores de trabalho disponíveis no mercado onde podem apresentar as suas candidaturas.

“Acredito que durante estas edições muitos estudantes conseguiram o seu primeiro emprego ou estágio de trabalho através da feira, por isso, é muito importantes apoiar este evento”.

A universidade conta com as Faculdades de Ciências Humanas, Faculdade de Direito, Faculdade de Economia e Gestão, Faculdade de Engenharia e Faculdade de Teologia.

Fonte: Jornal Expansão

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!
X